Kindle - Envio de amostras, iPhone, iPod, Calibre e Stanza

Grato a todos  pelos links.

Quanto à Eduarda, agradeço a mensagem e... vamos por partes:

1. Relativamente ao envio das amostras, se reparar bem, exactamente sob o botão na Kindle store que diz "Send sample now" surge "Deliver to" e depois um menu de lista pendente onde são apresentadas as diferentes plataformas Kindle que registou na sua conta Kindle. Eu por exemplo tenho "Jose's Kindle", "iPhone de Jose", "Jose'e Kindle for PC", etc. Pode ter até 5 dispositivos. Nesse menu escolhe pois o dispositivo/suporte para onde deseja enviar a amostra, pois ela não vai automaticamente para todos os locais.

2. A segunda questão é mais complicada e a resposta mais imediata é: com o software do Kindle não é possível. Só se sincronizam "over the air", pois estão guardados na nossa conta nos servidores da Amazon, os livros que comprámos nessa livraria.

Por outro lado, através de uma ligação com fios é fácil a passagem dos livros não-Amazon do PC para o Kindle, basta "cortar" e "colar", pois o Kindle surge para o PC como um "disco amovível". Aliás é esse "cortar e colar" é também a forma de colocar música no Kindle. Ou então pode utilizar o software Calibre e enviar esses ficheiros de forma mais sistemática e ordenada.

Mas, voltando à sua questão, e porque os iPhone iPod têm sistemas de ficheiros "fechados" há uma solução que passa pela utilização de outro software. Já experimentei com o iPhone e funciona mesmo.

A solução é utilizar o software Calibre, no PC e a aplicação Stanza na App Store da Apple.

A explicação completa sobre como pode ler no iPhone/Ipod Touch os seus livros está aqui, em inglês:
http://www.mobileread.com/forums/showthread.php?t=42023&highlight=calibre+stanza+iphone

Eu experimentei ontem mesmo e resulta. Os livros são transferidos do seu PC para o iPhone/iPod e podem depois ser lidos "offline". No momento da transferência convirá que os dois equipamentos estejam na mesma rede sem fios. Em resumo o Calibre cria um endereço de web "http://etc...:8080" com toda a sua biblioteca (Função Content Server); depois no Stanza introduz esse endereço (que o Calibre lhe dá) e vai pois encontrar esses livros. Para ler no Stanza convirá converter os livros previamente para epub (o Calibre faz isso de forma simples).

Se virem necessário na próxima semana tentarei traduzir aquelas instruções passo a passo.

7 comentários:

Eduarda disse...

Muito obrigada! Vou ver se me entendo com isso tudo.

Anónimo disse...

Bom Dia
Antes de mais as minhas desculpas por o meu comentário ser enviado como anónimo, o que já fiz anteriormente. Alguns constrangimentos obrigam-me a proceder assim.
Recebi hoje o meu kindle Dx. Fazia a ideia que era um pouco maior, tipo folha A4. Mas as letras são muito legíveis. Estou ainda numa fase de exploração e, portanto não posso dizer grande coisa. Juntamente com o kindle comprei a capa em pele. Aqui, tive a minha primeira desilusão: encaixei o Kindle nos clips e agora não o consigo retirar da capa. Já tentei de várias maneiras e nada. Visto na lateral o clips superior encaixou, mas forçou ligeiramente a parte branca, de plástico julgo eu, para cima. Em suma: o plastico branco deveria aderir, sem folga, à base em alumínio. O que acontece no espaço entre os dois clips. Fico agora na dúvida se isto é normal.
Para terminar uma referência ao preço final com a capa incluída - 558 euros. Estou arrepiado com o preço. Mas com as medidas de contenção que se perfilam no horizonte e com todas as outras de que nem sonhamos,não hesitei.
Anónimo epicurista

José Bernardes disse...

Caro Anónimo,
Não sei exactamente qual a capa que comprou mas se é aquilo que penso, há um "truque"; é que o clip de cima tem de ser levemente empurrado para cima para o Kindle se poder "libertar"; depois é rodar o Kindle para a sua direita, sempre sem "forçar".
Mesmo para entrar deve puxar o clip para encaixar sem esforço.
Boas leituras.

Anónimo disse...

Obrigada pela sua rápida ajuda mas não consigo tirar a capa e o clip superior não se mexe. Bem, só me resta devolver o Kindle para que retirem a capa e verem também o que se passa com a junção da parte superior plástica com a alumínio. Ainda por cima o Kindle com a capa não cabe na caixa onde vinha embalado. A capa é para andar em permanência com o Kindle, mas não querendo ser "picuínhas" esta deveria ser retirada, sempre que necessário, com facilidade.
De quelquer modo, obrigada pela dica.
Anónimo epicurista

Anónimo disse...

Depois de muitas tentativas e depois do meu almoço entrar em acelerada digestão lá consegui tirar (sacar) o Kindle da sua capa. Às 15.20 é obra.
O clip superior tem uma pequena mola e desliza para baixo e para cima. Empurrando o clip no sentido descendente o Kindle solta-se. È necessário fazer um pouco de força. Experimentei duas vezes e rusultou. Uma pequena nota: O clip não dever ser puxado no sentido descendente com o Kindle assente na capa mas sim com ele numa posição de +- 45 graus (ligeiramente levantado com a palma da mão). Se assim for feito, nem força é preciso.
Anónimo epicurista

antónio disse...

Bom Dia
Agradeço-lhe o blog que faz questão de manter e actualizar permanentemente para todos nós, os 'kindlianos'. Tenho também um iphone e gostaria de saber como devo fazer para o configurar com o kindle. Já instalei a aplicação 'kindle for iphone' e a minha dúvida é: quando passo, via pc e mobireader, um livro para o kindle, se o iphone estiver ligado ao computador configura automaticamente? Terei de passar individualmente também para o iphone?

Obrigado pela sua atenção.

José Bernardes disse...

Muito bom dia,
Agradeço muito as suas palavras sobre o blog.
Relativamente à sua pergunta, só os livros adquiridos na loja da Amazon se sincronizam "sem fios". Nos restantes casos, os livros de outras fontes, terá de os copiar directamente para o iphone.
Cumprimentos
José Bernardes

Enviar um comentário