Público no Kindle muito em breve

De acordo com a revista Meios & Publicidade, e conforme já havíamos adiantado aqui no Kindle Portugal, está para muito breve a edição do Público no Kindle. Ao que parece há já um contrato assinado para um ano e edição Kindle do Público está em fase de testes.

Ou muito me engano ou o lançamento será feito no dia 4 de Março de 2010, data em que o Público comemora 20 anos de existência. Mas é mesmo só um "palpite" meu :-)

Ainda não há valores apontados para a assinatura que vai permitir ler o Público logo de manhã, sem ter de sair à rua; em viagem pode ler o jornal onde quer que esteja (+ de 100 países do mundo) e se estiver de férias longe dos grandes centros não tem de esperar pelo fim da manhã para o jornal chegar :-) (desde que tenha rede móvel... ou internet, claro).

Veja a notícia completa aqui.

.

4 comentários:

António Carlos Matos disse...

Afinal chegou mais cedo!
Fui hoje espreitar ao Kindle Store e lá estva a nova edição Kindle do Público.
O preço de subscrição ($ 13.99) é mais baixo que o do El Pais e El Mundo (ambos a $ 19.99) e do The Times e The Independent (a $ 22.99).
Quanto à edição, não tive ainda oportunidade de a comparar com a versão impressa (é de facto um luxo receber o nosso jornal favorito confortavelmente em casa antes de ter tempo de descer ao quiosque!), mas não parece completa. Pelo menos não há sinais dos artigos da Pública...
Em todo o caso, uma novidade a saudar.

António Carlos Matos disse...

Update: O Público está de facto completo na edição Kindle. Só dei pela falta do "Sobe e Desce" da última página.
Faltam os suplementos, quer o "Cidades" da edição de domingo, quer os textos da revista Pública.
Será que durante a semana também não incluirá o caderno P2?
Ah, e faltam obviamente todas as fotos e ilustrações, como é normal nas edições Kindle da imprensa.
Mas pode ser uma alternativa interessante ao papel, por apenas cerca de 10,20 euros por mês.

Abel disse...

Finalmente começamos a marcar alguma presença no mundo Kindle.
Espero bem que com esta acção do Público comece uma "guerra" de ofertas.
Sei que não terão assim ao inicio grandes lucros nem nada do género. Mas lucro é sempre lucro.

E o serviço de entrega de jornais do Kindle é absolutamente fantástico!

Falta também as editoras portuguesas começarem também a colocar livros portugueses no Kindle.

Acredito que com o tempo com esta recente guerra dos eBooks que isso venha a acontecer dentro de pouco tempo.

José Bernardes disse...

Muito obrigado pela novidade :-)
Este blogue tem leitores mesmo atentos!
Ontem à noite o Público ainda não estava disponível e hoje... voilá!
Que excelente notícia para quem tem um Kindle 2 ou DX!
Obrigado ao António Matos mais uma vez.

Enviar um comentário