As ligações do Kindle - Custos e Funcionalidades

O Kindle, em Portugal, liga-se através da rede GSM das operadoras portuguesas, com um cartão americano da AT&T (ao qual aliás não temos acesso - pelo menos sem abrir o aparelho). Não tem ligação Wi-Fi nem Bluetooth.

Em termos de eventuais custos de assinatura ou de comunicação, estes, pura e simplesmente, não existem. A Amazon, a empresa que vende o Kindle, não cobra qualquer assinatura mensal nem qualquer custo de comunicação.

Mas, em contrapartida, o Kindle não se liga "livremente" à Internet. Aliás, não é essa a sua vocação nem função primordial. Assim, explicando um pouco melhor, o Kindle liga-se, via rede móvel, sem custos à loja online da Amazon, de forma a permitir a compra de livros, jornais ou revistas.

Detalhando um pouco, podemos comprar um livro ou fazer apenas o download de uma "amostra" do mesmo. Ou seja, se não conhecemos bem o autor ou o livro podemos fazer o download dos primeiros capítulos desse mesmo livro, o que normalmente nos permite apreciar se o livro/estilo de escrita/história nos agrada ou não e depois, em qualquer momento, decidir ou não a compra do livro.

Podemos também assinar um jornal ou uma revista, podendo igualmente comprar números avulsos desses mesmos jornais ou revistas. No momento em que escrevo estão à disposição 88 jornais e 38 revistas de todo o mundo. Em Portugal, o Público já deu a entender que poderia em breve disponibilizar uma "edição Kindle". A título de exemplo, posso dizer que cada edição Kindle do El País custa 1,49 USD (1,04 Eur) e que assinatura mensal do mesmo jornal custa 19,99 USD (13,97 Eur). Estas edições Kindle do jornal são enviadas automaticamente para o aparelho, na madrugada de cada dia. A edição comprada de forma "avulsa" é descarregada para o Kindle em cerca de 60 segundos (ou menos).

Finalmente, o Kindle permite aceder, ainda e sempre gratuitamente, ao website da Wikipedia, versão em língua inglesa. Sem limite de tempo nem de conteúdos e incluindo imagens.

Ao contrário dos Estados Unidos, e tendo em conta que estamos com o tal cartão GSM americano, não é possível, pelo menos para já, ligar a blogues nem a outros sites da web para além da wikipedia em inglês.

1 comentário:

Fernando Soares disse...

José.

Olá, muito bom o vosso blog.

Você saberia informar-me se o manual de estilos e formatações do Mark Cocker (smashwords-style-guide) teria uma versão traduzida para o português?

Muito agradecido. Parabéns pelo ótimo blog.

Fernando Soares - Rio de Janeiro - Brasil

Enviar um comentário